top of page
  • Foto do escritorXN Artesanatos

Tipos de artesanato brasileiro

O artesanato brasileiro é rico e bastante diversificado. Descubra quais os tipos de artesanatos presentes no Brasil e quais as suas características.


O artesanato brasileiro é conhecido pela diversidade e riqueza de seus produtos e peças, e revela muito da cultura regional histórica trazendo consigo características do folclore, dos costumes e tradições de seu povo.

Essa técnica é comumente praticada por famílias de baixa renda que, através do artesanato, retiram a renda mensal por meio da produção e venda de suas peças, promovendo o sustento de seus familiares.

Com isso, o artesanato ultrapassa gerações. As famílias que realizam trabalhos artesanais trazem consigo uma bagagem de seus antepassados e expressam através de suas peças valores culturais, sociais e familiares.

A história do artesanato brasileiro

O artesanato brasileiro surgiu através da cultura indígena. Os índios realizavam trabalhos manuais como: pintura de seus corpos, a criação de tangas e outras peças de vestuário.

Considerados o primeiro grupo de artesãos no Brasil, os índios retiravam da natureza a matéria-prima para a confecção de suas peças, como por exemplo, a pigmentação pela extração do pau-brasil ou a utilização de plumas de aves para a confecção de roupas.

Com isso, o artesanato brasileiro foi expandindo, tornando-se uma técnica diversificada.

Podemos afirmar que o artesanato brasileiro é caracterizado pela regionalidade e, consequentemente, considerado rico em diversidade cultural, uma vez que cada região mantém o seu estilo e sua técnica artesanal com base em seus costumes e tradições.


Tipos de artesanato no Brasil

1. Artesanato da Região Nordeste

O artesanato nordestino é um dos mais conhecidos no mundo e traz consigo muito da cultura local de cada povo do Nordeste.

Uma das fortes influências do artesanato nordestino é a cultura africana que nos remete ao período da escravidão, no entanto, nesse artesanato podemos ver traços de cultura indígena, portuguesa e holandesa também.

Como matéria-prima comumente utilizada no artesanato nordestino temos os tecidos, os couros, as linhas, as penas, o barro, os cipós de bambu, a palha, a juta, o cedro, a peroba, o jequitibá entre outros.

Entre as peças confeccionadas nessas regiões temos: a cerâmica e o boneco de barro, as colchas de renda, a cestaria em bambu, etc.

2. Artesanato da Região Norte

O artesanato brasileiro na região Norte reforça a ideia do turismo, isso porque é uma das regiões mais frequentadas do Brasil por visitantes e um grande fator econômico das localidades.

Sua técnica é fortemente influenciada pela cultura indígena que se revela na confecção de produtos como marchetaria, cerâmica, acessórios em palha, ‘biojóias’ e capim dourado.

3. Artesanato da Região Centro-Oeste

O artesanato da região centro-oeste é influenciado pela cultura indígena e dos colonizadores da região.

Elementos como madeira, cerâmicas, pedras semipreciosas, barro e metais compõem objetos e peças criadas pelos artesãos locais. Com isso, é possível ver muitos tapetes e redes torcidas em fibras, tachos em cobre, vasos em barro, etc.

4. Artesanato da Região Sul

Nesta região o artesanato tem grande influência dos imigrantes europeus. Para tanto, os artesãos sulistas utilizam de palhas, barro, fibras vegetais e madeira para criar objetos e peças como bolsas, chapéus, bonecas, redes, cestarias, jogos de tabuleiro, vasos, moringas e muito mais.

A grande característica do artesanato sulista é a sofisticação de seus produtos e preocupação com os detalhes, importando mais o lado estético.

5. Artesanato da Região Sudeste

Essa região expressa o artesanato brasileiro na sua forma artística trazendo fortes influências de seu povo nativo. Assim como no nordeste, no sudeste o artesanato varia de acordo com a região tornando-o assim ainda mais diversificado.

Dentro da região sudeste, podemos destacar o artesanato mineiro que é conhecido pela fabricação de produtos como tapetes, colchas, peças de barro como as namoradeiras e esculturas, panelas, jarras em cerâmica, semijoias em estanho e pedras decorativas.


Onde encontrar esses tipos de artesanato?

Geralmente os artesãos expõem suas peças em hotelarias, feiras, mercados ou até mesmo nas ruas de suas cidades.


Essas peças regionais, em regra, promovem o crescimento econômico da região, bem como proporcionam rentabilidade ao artesão, que está presente desde a produção até o destino final: o consumo de seus produtos.

No entanto, se o consumidor não puder estar nas regiões em que a peça que pretende comprar é desenvolvida, é possível encontrar alguns produtos em sites de venda de artesanato.

É possível também o consumidor aprender algumas técnicas e tentar desenvolvê-las em casa. Com algumas dicas retiradas da internet ou de sites produzidos por próprios artesãos é possível criar peças com referência em algumas regiões, mas às vezes há o empecilho da matéria-prima utilizada, por serem recursos comumente encontrados em regiões específicas, dependendo da região, é provável que não encontre facilmente.

Está a procura de peças de artesanatos? A XN Artesanatos é um mercado de obras artesanais on-line. Clique aqui e saiba mais!

2.650 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Kommentare


bottom of page